happines is found inside your heart.

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

O mundo é composto III

Eu percebo que você mente pra mim, e isso me incomoda. Uma vez você me disse que tinha os seus motivos para fazer o que faz, eu tenho os meus, mas você não sabe quais são, mas me faz achar que sabe. Eu vejo uma diferença enorme, eu não minto! Não pra você!
Gostar de você já foi dolorido, hoje não é mais. Eu sinto como se a cada vez que eu lembro que eu gosto de você, automaticamente, viesse uma mão, só a mão, que já coloca um band-aid sobre o meu coração, ele já deve estar alto de tantos que já foram postos.
É claro que o que eu mais gostaria de ouvir é que você me quer por perto, me quer bem, eu sei que você fala essas coisas, mas não é da mesma forma que eu quero você por perto, não é o meu querer bem, isso não me incomoda mais. Pode parecer mentira, mas não é. Realmente não me incomoda, eu falo porque eu sinto vontade de tirar de mim, eu sinto mesmo.
Ah, como eu queria acordar e me apaixonar por uma outra pessoa, você não tem noção do quanto eu queria isso, e isso não quer dizer que eu me privo das pessoas, mas a cada dia que eu conheço uma nova, elas me irritam, elas não tem os mesmos assuntos que os meus, não sinto nenhum tipo de vontade de estabelecer uma nova relação com alguém que não me completa de alguma forma, eu gostaria muito que essas coisas mudassem. Ainda acredito que um dia vá mudar.
Ah, outra coisa que me veio agora, eu não tenho mais aquela esperança que eu tinha antes, aquela que você irá voltar e me pedir em casamente e teremos filhos lindos e morar na nossa terra. Não, eu não acredito que isso irá me acontecer. As vezes, acho que eu deveria acreditar ainda, mas eu prefiro assim.

Nenhum comentário: