happines is found inside your heart.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

O meu tempo não volta mais e ele também não se adianta, me sinto como se eu estivesse parada e tudo se movendo, menos eu. Eu vejo tudo andar, tudo passar, menos eu. Eu to aqui, no meu canto, sozinha, sem sentimentos, sem emoções, sem nenhuma emoção. Estou com medo de mim, eu não tenho mais emoções, não tenho mais sensações, boas ou ruins, não tenho nada, não tenho ninguém, só tenho a mim, só eu e eu, mais ninguém. Não quero ninguém, não é uma reclamação, você vai entender como uma reclamação e/ou paranóia, mas não, não é e eu não quero que você tente me entender, eu não sinto falta de ter alguma coisa que me faça me sentir bem, porque, no fundo, bem no fundo, eu estou bem, por isso eu digo que não existem reclamações, paranóia talvez, mas reclamações não. Também não estou empurrando com a barriga ou algo do tipo, mas preciso de algo diferente, uma motivação diferente talvez, talvez seja mesmo isso que eu procuro, um motivo, mas o motivo eu já tenho, pelo menos eu acho que o que eu tenho possa se chamar assim, ou não.

domingo, 5 de fevereiro de 2012

7ª música - aquela que eu amo a letra

7 - Uma música que você ame a letra.

Lábios de Mel - Tim Maia

Ah, essa música... Essa música é uma que me deixa bem em qualquer hora, aquela que quando coloco na rádio e ela tá passando eu dou aquele sorriso inesperado e depois ouço milhões de vezes seguidas. Tim tinha/tem várias músicas que me deixam assim, mas Lábio de Mel consegue me tirar do chão.