happines is found inside your heart.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

sobre o nada - ou sobre o muito

eu gostaria de ter a ilusão que eu poderia ser sua, ou pelo menos me sentir sua. ainda mais porque eu sinto falta de quando eu escrevia alguma coisa, algo que fosse meu e eu sentia um certo prazer em ler, o que não acontece mais e não sei o motivo, não, a culpa não é sua e nem minha, não existem culpados, não queremos culpados, queremos o que eu não sei o que é, e que talvez, eu não queira mais saber, mas também, pode ser aquela curiosidade egoísta que eu tenho de querer saciar isso que existe aqui dentro e que só faz mal ao outro.
eu tenho medo de um bocado de coisa que eu não tinha e que eu achava estar preparada para enfrentar quando acontecesse, o ruim é isso, achamos uma coisa antes de acontecer e quando acontece, não é nada daquilo que imaginamos e nos preparamos - se é essa a palavra que eu devo usar. na verdade, eu já não sei de tanta coisa, já não sei mais o que fazer, que atitudes tomar, penso em uma coisa, faço aquilo e depois desfaço e não quero mais, eu nunca quis, mas acho que seja necessário, às vezes não é eu estou me enganando, mais uma vez.
eu não entendo nada, não quero que entenda nada. mas quero muito.

Um comentário:

Crisão disse...

e eu gosto muito de te ler!