happines is found inside your heart.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

tem horas que não dá mais

a intenção não é magoar e nem falar verdades, tanto porque não fui eu quem procurou ninguém.
tudo começou com um pedido idiota de amizade numa rede social imbecil.
há muito tempo não me lembro quem você é, ou o que você foi um dia, simplesmente, você passou, passou mesmo, diferente de outras pessoas que permanecem em minha vida com um sentimento de carinho muito forte e bonito, pessoas que eu quero bem e fico feliz de encontrar.
sabe o que mais me incomoda? é quando eu falo alguma coisa (que já estava engasgada na garganta) não é porque eu preciso falar e sim, porque eu sou má e não ligo para o sentimentos da pessoas e não lembro do que foi bom que aconteceu (isso eu não lembro mesmo, nem consigo lembrar das coisas ruins que aconteceram, sabe? realmente foi passageiro - até demais.). já estou acostumada a ser o monstro, pode ser que agora eu esteja mesmo sendo um.
a verdade é: nunca te desejei mal, nunca quis te ver mal, como também nunca te desejei o contrário, és uma pessoa totalmente indiferente para mim.
então, não me venha pedir para eu te esquecer ou parar de falar alguma coisa, eu já fiz isso há muito tempo, faça você agora.

inferno!

5 comentários:

Helen Coimbra disse...

É ISSO MESMO....rsrsrsr
já esqueci!!!!

Escaminha disse...

Justo!

Fernand's disse...

apoiada!!!

Srta. Lemos disse...

hum... acho que já passei o q está passando =/ no meu caso virou namoro e bem... o fim n eh diferente desse seu! bjs... ps. estou t seguindo! rs

flor disse...

Fê, Escaminha...
Adoro vocês! rs