happines is found inside your heart.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

tempo tempo tempo

E queria escrever um monte de coisa, mas só tenho seis minutos para ficar na frente do pc, será que dá tempo? Isso é punk, tem dias e dias que eu torço tanto para o tempo parar, exemplos típicos: quando eu to na casa da nega, ou quando eu to com ela, independente do lugar, parece que o tempo voa, só que demora tanto pra chegar a hora de vê-la. Isso é uma coisa ruim. Outro exemplo, quando eu quero que chegue logo a hora de ir embora do trampo, ficar lá sem fazer nada é úó. Também poderia parar o tempo nos meus dezenove anos (não sei a quanto tempo que eu vou ficar falando isso, mas é isso ae), não quer dizer que eu queria ter morrido aos dezenove, mas queria ter ficado com dezenove, eu, realmente, não sei como explico essa minha situação com o meu eu e os vinte anos de vida. Agora eu só tenho dois minutos pra terminar de escrever isso tudo, e nem sei mais o que escrever, ando meio sem criatividade, querendo fazer umas coisas, quero voltar a treinar judô, eu lembro que eu era uma pessoa muito mais leve e calma quando eu treinava, quero voltar a ser essa pessoa calma, bom não sei, o meu tempo tá acabando e eu nem to na lan house, to em casa mesmo, mas tenho que me arrumar, o tempo acabou. 10:00

Um comentário:

Nanda disse...

Eu queria ter parado nos 15.
Hoje estou com 29 e perdida ainda no espaço, sem me encontrar.

Um bjo.