happines is found inside your heart.

sexta-feira, 30 de abril de 2010

vou dar um tempo

começo agora, dando um tempo, mais uma vez. Dessa vez, espero que seja um tempo mais longo do que os outros.

Até qualquer hora.

kisses

conversas de ônibus ouvindo Zeca

Ah como eu não aguento assuntos dentro ônibus. Como diz minha prima, assuntos de ônibus não podem ser discutidos em ônibus porque você pode apanhar e é a pura verdade, mas falar da vida sexual num ônibus lotado às 20:00 não é algo agradável para quem está ouvindo ao redor, pelo menos para mim não é rs. "Ah a minha primeira vez foi quando eu tinha dezesseis anos, foi com um amigo da escola, e foi ruim, doeu tanto que eu...", não lembro mais o que ela falou, nessa hora fechei o livro e coloquei meu fone de ouvido e fui o resto do caminho ouvindo Zeca Bala.

Agora falando de Zeca (já que toquei no assunto), há tempos eu queria escrever algo há mais sobre ele. O que eu acho, o que eu sinto o que ele representa pra mim.
Enfim, ele é um cara espetacular, com um talento que é só dele e um ser que me fascina, me deixa leve, dono de uma voz que não se encontra em qualquer lugar. Se não fosse o Zeca, hoje eu não seria a Flor de Azeviche he. Quando eu ouço Zeca parece que o mundo inteiro parou, é tão bom, não sei o que acontece exatamente, não sei descrever essa sensação boa que eu sinto. Coisa estranha, mas é uma leveza sem tamanho.
Sabe aquela coisa de ficar tempos sem ouvir aí quando ouve em qualquer lugar bate uma saudade e é como nunca tivesse escutado, muitas vezes eu senti isso ouvindo Zeca Bala.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Vou começar a jogar no bicho

Essa noite eu sonhei que minha prima aprecia na minha casa com uma cobra piton daquelas amarelas lindas enrolada no pescoço e falava que tinha ganhado do Snoop Dogg. (?????)

***

Agora uma coisinha pra minha nega.

Aqui dentro um amor sem fim,
que eu não posso apagar,
que não dá pra esconder,
que eu não quero guardar,
que é meu todo pra você.


Te amo...

sexta-feira, 23 de abril de 2010

o tempo não pára

Eu fico impressionada com a rapidez do tempo. Eu lembro que ontem eu estava comemorando os meus dezenove anos com as amigas e a namorada, o natal com a família, o ano novo na casa da nega e, hoje, me pego pensando nos meus vinte anos (já são vinte, todo mundo sabe, mas eu não me conformei ainda). Sei lá, parece tanta independência, mesmo sabendo que eu ainda moro e vou continuar morando com a minha mãe e meu pai, os "vinte" tem peso, fico só pensando quando chegar os trinta. Daqui a pouco é natal novamente e o tempo vai passando, realmente não pára.



(Ficou linda com o Ney, vale a pena ver)

Beijoos

quinta-feira, 22 de abril de 2010

tudo isso aí numa pessoa só

cansaço.

sono.

dor nas costas.

dor nos olhos.

dor de cabeça.

saudade.

Agora o ruim?

Tenho tanta coisa pra fazer, mas a minha cama me chama e eu não posso recusar esse pedido.

Essa é a música do meu dia. Tão lindaaa.


terça-feira, 20 de abril de 2010

que tudo dê certo, de qualquer forma, que dê certo

Eu fiz merda, fiz merda grande, agora conto com a força dos deuses, dos anjos, dos santos e santas e com qualquer força maior para que tudo dê certo, de qualquer forma, que dê certo. E sim, tudo dará certo, sempre dá certo no final, mesmo assim, que dê certo, de qualquer forma, que dê certo. O ruim vai ser se não acontecer o que eu espero que aconteça, aí sim vai ser foda ou nem tanto, talvez eu esteja me precipitando, se nada der certo, espero, pelo menos que entendam o meu lado, porra, todo mundo erra. Putz, que merda grande e fedida =/

inferno astral

Amanhã é feriado e, graças ao senhor bom Deus, eu não trabalho. Já quero férias, sabe? To cansada. =F
É estranho falar assim porque eu comecei tem pouquíssimo tempo, mas eu entendo o meu estado, fiquei muito tempo na moleza, agora a coisa tá pegando e eu tenho que meter as caras, tirando que eu tenho que estudar e não to conseguindo direito, tento nos meus intervalos, mas não dá muito certo, quando eu saio da sala já é hora de voltar, e em casa eu só quero chegar e dormir, mas eu preciso estudar e estudar e estudar.
Os dias vão passando e agora que me dei conta que me encontro no meu inferno astral, não que eu entenda de astrologia, mas eu estou nesse tal fase aí. A cada dia me aproximo mais dos vinte. Um certo receio, não sei, é difícil pensar "eu vou fazer vinte anos". Porra, são duas décadas (bem vividas), eu lembro quando eu fiz quinze, o tempo correu e eu to pra fazer vinte e ainda não me acostumei com essa história, de verdade (e faz tempo que eu to tentando digerir isso, só pra constar). Nem eu mesma entendo esse "medo" dos vinte, será que é assim mesmo? Não ouvi nenhum dos meus amigos (as) falarem essas coisas, mas enfim... cada um com seu cada qual (já dizia uma prima aí).

segunda-feira, 19 de abril de 2010

agora sim.

To com sono, muito sono, mas fiquei até agora só pra arrumar esse lay e sabe que eu gostei. Dessa vez eu gostei um bocado.

Um beijo e até mais.

domingo, 18 de abril de 2010

Vou andar na garoa. Observar os tons de cinza. Sentar no banco e esperar você chegar.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

eu só quero.

Eu to querendo mudar o blog, mas nada me apetece (como diz a nega). To querendo assistir vários filmes nacionais antigos e nada de encontrá-los (isso é fato). To querendo que o meu cabelo cresça, mas tá demorando "bagarai". To querendo (e preciso) começar a estudar, mas eu não pego no livro faz um tempo. Quero trocar o óculos (nossa, esse faz bastante tempo), mas não acho nenhuma armação que me agrade. Quero ouvir coisas novas, mas não acho nada pra baixar. Quero fazer uns passeios culturais com a nega, mas não tenho dinheiro.

Aff, que merda. Falo mais nada;

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Essa noite eu sonhei que estava em uma escola e aparecia um gato com uma lesma nas costas e ele ficava doidinho pra tirar e não conseguia, do nada, me vejo gritando e correndo de um gato e de várias lesmas que estavam subindo em mim.

Acordei com um certo mal estar =/.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Último dia.

Achei tão linda...

Vale a pena ;]



Olivia Tabet - Último Dia

Beijoo

domingo, 11 de abril de 2010

Braço, emprego e unas cositas más

Hoje eu acordei com uma puta dor no braço, de verdade. Ontem fui tomar a vacina da gripe A e meww, que isso, to com uma dor absurda no braço, parece que to carregando 20kg de farinha só por ele, tá foda, to digitando com uma mão só. Sem contar que ontem fiquei toda molenga, enjoada e querendo ficar na cama o tempo todo.
Eu achei que tivesse reação, claro que achei, só que não assim, no mesmo dia, que foda. Bem que disseram na hora: vai de pessoa pra pessoa, ela pode ter reação e você não ou vice-versa. Pelo menos hoje eu não to mole, mas o braço tá valendo pelo corpo todo.

***

Huum, agora falando de coisas boas, to lá trabalhando num lugar super legal, legal mesmo, to adorando, mesmo sendo muito difícil pro começo, mas se fosse fácil eu não ia querer ficar lá, não gosto de coisas fáceis demais. Eu não posso sair de casa com esse braço doendo desse jeito (parece exagero ne? mas a coisa tá feia).

***

Gente, que isso? To com a TV ligada na MTV e tá passando MTV Lab - RRAURL um clipe de um banheiro, que isso? Todas as cosias que podem acontecer (e que acontecem, a gente só não fica sabendo ;]) num banheiro público hauahuahaua, que foda mew. Vejam, vejam.



Pessoas, meu braço dói e eu vou sair, cansei de digitar com uma só mão.
Beijos e até a próxima ;]

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Recomendo ;]

Ontem tive a felicidade de terminar de ler um livro da autora Patrícia Melo. "Mundo Perdido". (Antes de ler "Mundo Perdido", leia "O Matador")

Os livros contam a história de Máiquel e o segundo também (rs). O protagonista é um cara que... ah não vou falar, mas deixo a dica.

Quem quiser ler, eu recomendo, é bem real. Acredito que as cosias acontecem assim mesmo.

"O Matador" virou filme em 2003, "O Homem do Ano".

Eu, amante do cinema nacional, ainda não assisti. Tá aqui o trailer.



Beijos, pessoas =)

sábado, 3 de abril de 2010

A tal da felicidade tá explodindo dentro de mim

Cá eu, muito, mas muito feliz.

Feliz por poder olhar para o lado e ver você, acordar juntinho, dar beijo toda hora, dizer que amo e que quero ficar junto pra sempre. Sou uma pessoa muito melhor hoje, muito mais completa, da mesma forma que fui um dia, me sinto amada e quero sentir isso pra todo o sempre, para o nosso sempre.

Te amo, minha nêga, te amo mais que muito.

Obrigada por não querer sair da minha vida nunca.



"Ah la la la ah la la la I la la la la love you"