happines is found inside your heart.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Aos meus amigos


Foto: Flor de Azeviche

"O problema todo é: eu quero sair de São Paulo. Está cidade está acabando comigo, eu não aguento mais a poluição, meu nariz escorre o dia inteiro, meus olhos ardem, minha pele coça, estou com dermatite de contato, mas o que está errado é o meu contato com as pessoas, o espaço urbano, eu não suporto mais respirar esse ar, ver essa paisagem tão feia, a cidade cheia de ambulantes, as cascas de melancia apodrecendo nas ruas, as pessoas vão comendo e jogando fora as cascas, os invólucros, as embalagens, como se nada fossem. Daqui a pouco isso vai virar um sambaqui."

"Nós somos pessoas muito mais amargas, muito mais duras, muito mais inseguras do que éramos, sem falar na decadência física, pelo menos a minha. Eu me sinto feia porque estou muito feia. Feia por dentro! Não me aguento, compreende? Não aguento a minha impaciência, minha insatisfação, meu azedume! Passo o dia reclamando de tudo e de todos! Preciso me tratar. Não posso depender de você e nem de ninguém para me salvar, sou eu que tenho quem fazer alguma coisa por mim!"

"É tão fácil pensar na morte como a única solução, a gente está sempre por um fio, nada é mais precário que isso que você chama de felicidade ou bem-estar."

"Agora eles vão ter que inventar a fantasia para sobreviver à fenda, para fazer face àquilo que vai nascer num instante em que esse abraço encontrar o seu destino."

"O adultério é a maneira mais convencional de sair do que sair do convencional, é uma forma de mudar tudo sem mudar absolutamente nada."

"Num determinado momento ele pergunta: Por que o meu amor não te comove, é incapaz de contagiar você?"


Trechos tirados do livro: Aos meus amigos - Maria Adelaide Amaral.

Recomendo e recomendo!

6 comentários:

Dona Amélia disse...

Eu gostei muito da minissérie, agora também quero ler o livro!
Ainda mais com tua indicação, Frô!
Xêros!!

Paty

CinZa DaS hOrAs disse...

flor eu tbm num aguento mais esta poluição toda de sampa.temos que viajar tem tanta coisa linda pra ver no Brasil..mas adia um pouquinho seus planos e vamos amanha no show do zeca no ibira?de grátis!

Ana disse...

Algumas coisas eu me identifiquei, principalmente o trecho que fala sobre a necessidade de ir embora...rs

Flor disse...

Cinza, como vamos no show se não sem quem é você?

Flor disse...

Paty, o livro é fantástico, mesmo. Confesso que no começo eu não me interessei muito, mas foi desenrolando uma coisa linda. Até chorei no fim. ^^

um beijo cheio de saudades de você!

Marcella Castro disse...

Parece ser muito bom mesmo! Me lembrou a nossa conversa sobre SP rsrs!
=*