happines is found inside your heart.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Vamos falar de filme?

Eu não era uma pessoa que gostava de filmes, digo isso comparado com uns amigos que assistem filmes o dia inteiro sem pausa, ou melhor, só a pausa do "café filosófico". É a hora em que ficamos trocando várias informações sobre o filme assistido. Não que eu não goste, essa não é a palavra certa, eu só não tinha paciência de assistir filme o dia todo, como eles. Hoje em dia, as coisas mudaram, não que eu fique o dia todo na frente da TV, mas assisto um ou dois filmes (já é um avanço rs).

Ontem assisti "O Leitor", confesso que fiquei um pouco decepcionada, acho que esperei muito mais do que ele poderia oferecer, poderia ser melhor, mas mesmo assim, recomendo o filme.
Eu gosto de drama, sempre gostei. Sempre gostei de chorar em filmes, me emocionar com as histórias, com os personagens... chorei assistindo "O Leitor".



Sinopse: Nos anos de 1950, pouco depois do fim da Segunda Guerra Mundial, o jovem Michael Berg adoece e passa a ser cuidado por uma bela e estranha mulher, Hanna, que tem o dobro de sua idade. Michael logo se recupera, mas Hanna foi embora. Ao encontrá-la, os dois têm um breve mas intenso romance. Uma paixão cada vez maior, temperada com as leituras de obras clássicas. Apesar disso, Hanna misteriosamente desaparece outra vez. Passados oito anos, Michael é agora um aluno de Direito que acompanha julgamentos de crimes de guerra cometidos pelos nazistas. É nesse momento que Hanna reaparece na vida do rapaz.




Já gostei muito de filmes de terror. Hoje, prefiro a série SUPERNATURAL rs. Gosto de comédia quando é comédia de verdade. E A-M-O filmes nacionais.

Claro, tenho o meu preferido, aquele que assisto todas as vezes como se fosse a primeira que é: Lisbela e o Prisioneiro. Quem não assistiu e gostar de cinema nacional, não deixem de assistir.

Cara, tá passando um clip na MTV que eu não via há anos (o que isso tem com o post? Nada, só queria comentar). Veja aqui o clip se ficar curioso (a)

PS: Esse post teria ficado muito melhor se eu estivesse mais inspirada.

Beijos, pessoinhas.

8 comentários:

Lia disse...

Menina, ainda não assisti o filme, só li o livro...
Quero ver, adoro A Kate e o Ralfh ...
O livro é muitoooooo bom! fica a dica...
bjos

Canal Adobe Photoshop disse...

É um excelente filme. Um dos melhores que eu ví em 2009. Vale a pena.

saudade docê mocinha.

bj na buchecha

Spirit disse...

Eu também gosto de chorar baba e ranho num filme... mas só se acabar bem. Se a coisa dá para o torto e acaba mal ando mal disposta durante duas semanas.

aline disse...

um dos meus filmes preferidos... a kate como sempre... uau!

muito muito bom!

aline disse...

obrigada, obrigada.... :D

eu também gostei muito daqui...
visitarei sempre.

-rayane- disse...

Esse filme é lindo!

Uma Pulga em desesperO disse...

Vou locar esse filme. Bjuuu

Tatiane Lemos disse...

Nossa, eu vi esse filme, muito lindo, mas triste! Gostei... Ja te sigo, blog muito legal!