happines is found inside your heart.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

EU QUERO RASGAR!


Eu tenho ódio, eu quero rasgar.

Eu detesto tudo isso.

Eu sou assim, eu sou eu e não me mostro para ninguém, eu sou assim porque eu gosto de ser assim, EU AMO SIM VOCÊ!!!

Eu não sou hipócrita, eu não sou irônica, eu naõ quero só a beleza das coisas, dos momentos. Como você, eu vejo beleza na tristeza, eu vejo beleza em coisas que as pessoas não vêem e eu gosto disso.

Eu quero rasgar, eu quero desmoronar, eu quero mostrar, agora sim eu quero mostrar o que eu realmente sou, o que eu quero e o que eu gosto, isso é o mais importante para mim.

Mas apesar que naõ vele a pena, você não vale a pena saber dos meus verdadeiros gostos e prazeres, mas mesmo assim, eu quero rasgar.

Eu cansei!!!

Eu tenho sede, tenho sede da vida

Quero ser o que sou, quero não ter que esconder mais nada, quero a MINHA vida comigo, quero seguir com você! Quero você comigo agora, meu amor.

Mas, ainda, eu quero rasgar.

Eu estou rasgando.

Eu rasguei?

4 comentários:

l u a * disse...

te rasga, te vira, desvira teu monstro, que vai escorrer prazer-e-mêdo de quem for pequeno demais pro teu mundo.

l u a * disse...

rs.
mudou o mundo de figura.
amar, é rasgar-se de-si para costurar um nó-de-nós.

Maria disse...

Eu PRECISEI escrever isso aqui:

"Pena que as grandes e as cucas confusas não saibam amar. Pena também que a gente se envergonhe de dizer, a gente não devia ter vergonha do que é bonito. (…) Essas coisas não pedem resposta nem ressonância alguma em você: eu só queria que você soubesse do muito amor e ternura que eu tinha – e tenho – pra você. Acho que é bom a gente saber que existe desse jeito em alguém, como você existe em mim." (Caio F.)

Amo você, minha flor!

Daniel de Deus disse...

Em uma palavra:
visceral...
bjo