happines is found inside your heart.

sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Madrugada


Madrugada companheira.

Aquelas em que escuto apenas respirações alheias,

E o risco que o lápis faz no papel,

Pensamentos vem e vão.

Dúvidas.

Descobertas.

Conversas ao vento,

E escutando vozes do além,

Que diziam:

Vai dormir!


Flôr de Azeviche

10 comentários:

Mônica T. disse...

Vi em primeira, segunda ou terceira mão, e repito, adoreeei, muito lindoo isso que você escreveu!

Te amo, cabeção 2 ^^

Dani Faria disse...

Flôr...acompanha meu blog,sua chata!!!
hauahauhauah
Bjinhos!

Dani Faria disse...

aaaaah... aliás, adorei esse poema,como já havia lhe dito antes, quando estou "acompanhando" a madrugada em um determinado momento eu também escuto uma voz, dizendo: vá dormir!!!
ahauhauahuahua...pensei que só eu fosse maluca!

Bjão!

Marcia Paula disse...

Minhas madrugadas não querem que eu durma.Então eu escrevo mais acordada que nunca.Beijos.

Fezzoka Gomes disse...

Eu vivo escrevendo na madrugada...

e é tão bom..


Sobre o que me deixaste lá no blog.. temos aquela sintonia phoda! e espero que isto sirva mais para as coisas boas.. quero pra nós amores novos e amores bons!

Qualidade saca? Pq de quantidade eu to de saco cheio..

mas sinto bons ventos.. eles virão nos trazer tudo isso ae que desejamos...


Um beijãoo

l u a . disse...

dormir na madrugada é perder os litros de lirismo.

André disse...

muito bom isso hein!

Parabens muié... Nada melhor do que o silencio da madrugada pra gente poder ouvir coisas que nossos ouvidos não dissem durante o dia...

Bjos inté

eu disse...

excelente este conjunto de palavras em jeito poeticamente doce e cheias de sentido para mim.

a madrugada tanto é boa como má companhia, a bem dizer tudo tem um polo positivo e negativo.

a escrita tem momentos que doina execução e dilacera na conclusão...

gosto muito deste seu espaço

:)

Muita História para contar... disse...

Um pouco dos outros é muito bom. Será bem vinda no meu blogger. Sobre sa penúltima postagem, para de comer carne é o que há, muita atitude, estou pensando muito sobre isso ultimamente, sobretudo, porque tenho lido algumas coisas sobre direitos dos animais e tal; já a coca cola, hum...só em pensar já fico atormentada...
No mais, abraços!

Flôr de Azeviche disse...

Olá pessoas, primeiro de tudo, obrigada por virem me fazer essa bela visita, fico sempre muito feliz ao ver vocÊs aqui =).

Mô: Linda Cabeção da minha vida, naõ sei em qual mão você viu, mas que bom que gostou ;]

Dani: Fico feliz, e eu também escuto as vezes de verdade rsrs.

Marcia: Que saudade, mulher... Sabia que eu adoro escrever na madrugada também, acho que esse é o meu segundo escrito de madrugada rs.

Fezzoka: Realmente nossa sintonia é foda, nem sei como essas coisas acontecem, só se que acontecem.

Lua: Como eu amo o que vocÊ vem me escrever...

André: Essa madrugada me prende e me fala muita coisa.

Eu: Obrigada, volte sempre :)

Muita história: será muto bem vinda aqui também, que bom que gostou daqui =)...

Beijos a todos =)