happines is found inside your heart.

terça-feira, 10 de junho de 2008

Alguns segundos de delírio

Hoje ouvi uma música do Los Hermanos que dizia:

"e se eu for o primeiro / a prever e poder / desistir do que for dar errado / ahhh ora se não sou eu / quem mais vai decidir / o que é bom pra mim / dispenso a previsão / ahhh se o que eu sou / é tambem o que eu escolhi ser /aceito a condição" O Velho e o Moço - Rodrigo Amarante

Me faz pensar...
Faço escolhas na vida que eu sei que não vou ser bem vista, mas é o que eu quero, sou feliz assim, como diz a música, "se eu puder prever e poder desistir do que for dar errado", faria o mesmo, pois é algo que eu quero, é como se fosse um desejo. Aceito a condição de ser do jeito que sou.
Sim, sou aquela que eu escolhi ser.
Na verdade, as frases querem dizer bem mais que isso.

4 comentários:

mutante disse...

gostei da reflexão sobre esse trecho da música, nunca havia pensado nele assim...
beijos

Thatha disse...

Obrigada!
Quer dizer bem mais que isso, mas foi o que me veio no momento, tanto é que o título é "alguns segundos de delírio" rs
Beijo

André disse...

o muito loko de tudo isso, é saber que ser quem queremos nunca se limita... é aceitar a mutação dando certo ou nao...muito loko msmo....
e esses delírios são fundamentais pra essa auto-firmação e desligamento do real (se é que existe)

gostei muito...continue com esses momentos....
bjos

Thatha disse...

Sim, isso mesmo
Como eu disse, quer dizer bem mais...
Obrigada ^^
Beijo